A criação da Loja Virtual é uma etapa importante para qualquer negócio, porque é o único canal onde você tem controle total sobre as ações possíveis e o que está acontecendo. No entanto, como a internet é infinita e possui uma porção de players disputando a atenção do usuário, nem sempre é tão fácil assim destacar sua loja e vender tanto quanto o esperado.

E este é um problema que muitos empreendedores enfrentam ao começar a vender online, especialmente quando fazendo isso às pressas – que é o que tem acontecido devido ao isolamento gerado pelo COVID-19.

O que observamos é que houve um crescimento no volume de lojas criadas nesse período, mas a maioria das pessoas não sabe exatamente o que fazer depois da criação da loja virtual. Ou seja: ficam com a plataforma, mas não sabem como atrair clientes.

Ao longo desse artigo, vamos mostrar estratégias para você destacar a sua loja virtual na internet e continuar vendendo mesmo diante de adversidades.

Aproveite salve este artigo ou anote essas dicas para pôr em prática logo em seguida.

Vamos lá! 

1- Diferenciação:

Você já parou para entender o que faz da sua Loja Virtual diferente de todas as outras? Se nunca fez isso, é hora de entender melhor sobre o assunto… porque utilizar essa diferenciação é uma das ações mais inteligentes para destacar a sua loja.

Essa diferenciação pode estar ligada ao produto que oferece, ao atendimento, às embalagens, ao posicionamento da marca, ao material que usa. O importante é que seja algo que faz da sua loja virtual única no mercado. Logo, incomparável.

Uma coisa que faz muitas lojas virtuais estagnarem é elas se preocuparem tanto com a concorrência que, no final das contas, parecem exatamente a mesma empresa: mesmos produtos, mesmo preço, mesmas ações. Numa briga assim, geralmente sai vencedor quem tem mais dinheiro… E, se não for você, será um problema para sua loja.

Então, antes de qualquer coisa, deixe claro na sua comunicação a sua proposta única de valor (a frase que te define como marca e deixa claro seu posicionamento).

2- Segmentação: 

Um dos passos mais importantes para conseguir diferenciar sua Loja Virtual em meio à concorrência é segmentando o seu público. Você precisa saber com quem você está falando e para quem vai direcionar a comunicação dos seus produtos.

Essa segmentação deve ser feita considerando aspectos físicos, demográficos, geográficos e psicológicos. É muito importante que você entenda todos os aspectos da pessoa com a qual está falando, assim conseguirá ter uma comunicação muito mais efetiva dentro da Loja Virtual e nas ações que irá criar.

Existe um canva que contém todos os aspectos que precisa mapear na hora de segmentar e criar a persona ideal do seu negócio. Ele se chama Mapa da Empatia e, se você precisar, pode baixar aqui de forma gratuita.

3- SEO da Loja Virtual

O SEO da sua Loja Virtual também é muito importante para se destacar entre a concorrência, principalmente dentro dos buscadores, como o Google e Bing.

A ideia é otimizar títulos, descrições e páginas da sua loja virtual para que, quando o seu cliente pesquisar algo sobre o produto que você vende, o seu site seja o primeiro a aparecer. 

Só para você entender melhor, vou fazer uma breve explicação sobre SEO: é a junção de algumas técnicas de otimização para sites e blogs para posicioná-los de forma orgânica dentro dos buscadores. É uma forma de ganhar destaque e maior visibilidade na internet. 

Um bom SEO requer que o seu site e os conteúdos tenham: 

Entre outros pontos que você pode encontrar em um de nossos artigos que explica o passo a passo completo de como chegar ao topo do Google por meio de técnicas de SEO (Confira o artigo).  

4- Posicionamento de marca:

Mostre para o seu cliente que vale a pena comprar o seu produto. Para isso, precisa deixar claro que esse produto disponível na loja virtual é a solução para um problema real na vida da sua persona.

Uma vez que consegue fazer isso, a pessoa do outro lado entende que não é um gasto, mas um investimento. Assim, tende a realizar a compra. 

Além disso, mostre para essas pessoas os valores da sua empresa. Essa identificação clara da personalidade da empresa faz com que as pessoas criem uma relação genuína com a sua loja virtual.

Um exemplo disso é o post da Ambev nas redes sociais anunciando que a empresa iria usar o álcool da cerveja para fazer álcool em gel – essencial na luta para controle do COVID-19 – e distribuir gratuitamente.

Além de ser uma atitude nobre, essa ação faz com que o posicionamento da marca na mente dos clientes seja positivo. As pessoas que foram impactadas por essa ação da Ambev vão lembrar da marca na hora da compra e, muitas vezes, podem optar por produtos dessa empresa em vez de comprar dos concorrentes.

5- Marketing de Conteúdo: 

Marketing de Conteúdo foi subvalorizado pelas empresas durante muito tempo, mas, aos poucos, vem ganhando mais força no mercado. E essa é uma estratégia muito importante não só para criar relacionamento e aproximar os clientes da sua loja virtual, mas para atrair mais pessoas para dentro do seu site, funcionando como forma de tráfego orgânico.

O mais importante quando falamos sobre marketing de conteúdo é atentar-se à persona da empresa e criar conteúdos (imagens, textos, vídeos…) que se relacionem com os interesses dela.

Quanto mais próximos com os posicionamentos e valores da empresa, mais chances da sua marca ser a primeira a ser lembrada, mesmo havendo uma grande concorrência. 

Para uma boa ação de marketing de conteúdo, você pode começar usando as redes sociais, que são canais gratuitos e com audiência gigante. Depois, pode também investir na criação de um blog ou canal no Youtube, onde pode abordar assuntos relacionados ao seu segmento, tirar dúvidas recorrentes… 

Nós criamos uma lista rápida com 32 ideias de post para Instagram da sua Loja Virtual. É só baixar aqui. Com esse material, você não precisa se preocupar com relação à falta de criatividade na hora de criar um conteúdo.

Mas, além de postar conteúdo relevante, você também deve usar as redes sociais para expor seus produtos. No fim das contas, o seu objetivo principal é vender! 

Por isso, temos que enxergar as redes sociais como sendo as vitrines do seu negócio…

6- Redes Sociais como vitrine

Uma coisa que gostamos muito de falar quando chegamos no assunto de redes sociais é que ela não deve ser um mero catálogo da sua loja virtual. No entanto, também não deve ser considerada apenas um canal de atendimento e relacionamento.

As redes sociais também são ótimos canais de venda. E, por isso, você deve encarar como uma extensão da sua loja virtual.

É provável que muitas pessoas cheguem primeiro à redes social da sua empresa do que à loja virtual, inclusive. O que significa que precisa cuidar bem desse espaço para torná-lo o mais atrativo possível para quem te segue e quem chega.

Por esta razão, é muito importante que as redes sociais sejam monitoradas de forma profissional e com muita dedicação.

Eu sei que, muitas vezes, existem outras prioridades na vida de um gestor e dono de negócio. Mas a verdade é que você NÃO pode deixar de lado as redes sociais.

É por lá que você vai manter o seu cliente engajado, o que ajuda e muito a destacar a sua Loja Virtual. 

Dicas para você chamar atenção dos seus clientes nas redes sociais: 

7- Promoções ou Benefícios exclusivos

A maior parte dos empreendedores tremem ao ouvir falar que devem dar descontos ou oferecer benefícios, especialmente quem ainda não tem muita experiência no mercado. Mas acredite: isso pode te trazer mais lucro do que simplesmente ficar esperando as vendas acontecerem.

Essa dica você pode usar para resultados a curto ou longo prazo… Vou te explicar melhor: 

Para resultados a curto prazo

Você pode planejar promoções que podem ser usadas de forma imediata. Essas são aquelas promoções mais usuais, como códigos de descontos nos produtos, frete grátis… Ou pode ser algo mais personalizado, como “na compra do produto X, o segundo tem Y% de desconto.”

É uma forma de estimular a ação de compra mais imediata, convertendo pessoas que compram por impulso. Muitas pessoas não resistem a uma boa promoção e, se você aliar um bom conteúdo com boas promoções, a sua loja irá se destacar. 

Indicamos essa ação em duas situações: se precisa garantir caixa para sua empresa ou se tem um estoque grande parado.

Mas não acostume sua audiência com esse tipo de ação. Se fizer isso, ela vai acabar se acostumando e só vai querer comprar quando tiver uma promoção acontecendo.

Para resultados a longo prazo: 

Você pode criar um voucher de desconto para quem já comprou na sua loja antes e dizer que, se essa pessoa comprar no próximo mês, terá X por cento de desconto na loja virtual. Ou pode simplesmente oferecer vouchers e vale-presentes que podem ser utilizados dentro de determinado período de tempo, por qualquer pessoa. 

Essa é uma forma de estimular as pessoas a consumirem o produto ou serviço mais vezes, o que impacta diretamente a lucratividade da Loja Virtual. 

Isso também faz a sua loja se destacar! Veja o que pode ser feito de acordo com o seu produto e presenteie os seus clientes com promoções, sejam elas para usufruir a curto ou longo prazo. 

8- Melhore a experiência de compra do seu cliente

Um ponto que pode fazer a sua Loja Virtual se destacar é a experiência de compra do seu cliente. Essa experiência pode envolver a navegação do seu site, o atendimento, a comunicação que você cria, a embalagem que monta, o tempo de envio…

Tudo isso conta pontos para proporcionar a melhor experiência de compra para o cliente. E, uma vez que consegue fazer isso, o seu cliente volta a comprar mais vezes e ainda indica a sua loja virtual para outras pessoa, numa propaganda gratuita.

Quanto mais pessoas satisfeitas com o seu serviço, mais dessa propaganda você ganha.

9- Invista num chatbot

Essa opção pode pedir um pequeno investimento monetário, mas é essencial para você destacar sua loja virtual. Dizemos isso porque um robô pode fazer atendimentos full time na sua loja virtual, enquanto uma equipe de pessoas físicas trabalha apenas dentro do horário comercial. 

E, mesmo que essa seja sua função e não tenha uma equipe, ainda precisa fazer outras coisas para manter a empresa em funcionamento, de forma que não tem como se dedicar 100% ao atendimento.

Quando você usa o chatbot, sua loja fica funcionando 24 horas. 

Chatbot nada mais é que um sistema de inteligência artificial programado com mensagens automatizadas (veja aqui as vantagens de usar um chatbot). Assim, toda vez que seu cliente entrar na loja virtual e tiver uma dúvida, o chatbot poderá responder e até indicar o melhor produto para a pessoa de forma automática.

Essa é uma forma de diminuir a taxa de abandono de carrinho – que costuma acontecer quando as pessoas têm dúvidas e não recebem resposta do atendimento – e reduzir o volume de vendas perdida. 

Além disso, também consegue otimizar o tempo da equipe de atendimento, que poderá se dedicar aos casos mais importantes e conversões de ticket médio mais altos. 

Você pode deixar o chatbot respondendo às perguntas básicas de dia a dia, por exemplo, e passar para o atendimento humano se essa dúvida for mais complicada.

Fonte: E-commerce Na Prática

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *